Banda Tereza

Pluralidade de ritmos, tarde de sol e amigos ao redor: A filosofia da Banda Tereza

Quinteto de Niterói mistura pop, rock e indie a influências que vão de Lulu Santos até Anitta.

Os meninos cresceram. Aqueles cinco amigos de colégio que largaram a faculdade para viver somente da música chegaram longe, passaram do Programa do Jô ao Altas Horas, do ollapalooza ao Prêmio Multishow (duas vezes!), do indie ao pop sem se preocupar muito com ritmos ou nomenclaturas, apenas música para se divertir e cantar. A Tereza virou uma bela banda.

Foi nas praias niteroienses que o quinteto moldou seu som, influência que fica clara em “Vem Ser Artista Aqui Fora”, álbum de estreia da Tereza gravado no estúdio Toca do Bandido (Maria Rita, O Rappa, Skank) e produzido por Tomás Magno (Ava Rocha, Lô Borges, Nevilton), ganhando uma reedição especial em 2013 pela Slap, selo criado pela Som Livre para descobrir e mostrar artistas promissores.

O disco trouxe também uma das marcas principais do grupo: o cuidado impressionante com seus clipes. Em sua videografia, a maioria viral na internet ajudado por matérias em sites de humor como Kibe Loko e Não Salvo, a banda conta com a viagem psicodélica de “Vamos Sair Para Jantar”, a inovadora forma de estar literalmente dentro do Google Maps de “Sandau”, a piada crítica a esteriótipos de “Endorfinar” (com produção de João Brasil) e o inventivo óculos que mistura Tinder com realidade virtual em “Calçada da Batalha”. Tudo isso criado, produzido e lançado em meio a uma extensa turnê nacional que cobriu todas as regiões do país e passou pelos principais festivais e casas de show do Brasil.

O tempo juntos, as diversas influências pops e os radinhos colados em FMs resultaram no segundo disco, lançado novamente pela Slap/Som Livre e com produção da banda ao lado de Sérgio Santos. São dez canções que revelam um grupo transitando confortavelmente entre ritmos populares, juntando a guitarra e os sintetizados ao clima otimista e dançante do álbum. Destaque para a música “Não Sei”, primeiro clipe do disco, fazendo a interseção entre a pegada indie do trabalho de estreia e a liberdade alinhada à segurança mostrada neste novo álbum.

A Tereza é, na verdade, um conjunto deliciosamente pop, sem medo de mostrar suas referências e transformá-las em canções para assobiar alegremente pelas ruas. “Passaram-se tantos anos, muitas conquistas foram alcançadas, muitas estradas rodadas. Diversas alegrias e poucas tristezas marcaram o caminho que fez com que chegássemos até aqui”, comenta Sávio Azambuja, um dos integrantes da banda.

Talvez lá em 2009, quando a Tereza nasceu, Mateus Sanches (guitarra e teclado), Rodrigo Martins (baterista), João Volpi (baixo), Sávio Azambuja (guitarra e teclado) e Vinícius Louzada (vocal) não imaginavam que o nome daquela menina que todos gostavam no colégio se tornaria, na verdade, uma filha para eles. A Tereza foi criada com carinho e se tornou uma jovem banda bem segura na sua missão: proporcionar diversão para ouvintes sem qualquer tipo de distinção.

Contato:

Site oficial: atereza.com
Shows: (21) 98193-8983 – Daniel Domingues
Email: contato@atereza.com

Integrantes:

Mateus Sanches – Guitarra e Teclado
Rodrigo Martins – Bateria
João Volpi – Baixo
Sávio Azambuja – Guitarra e Teclado
Vinícius Louzada – Vocal

Discografia:

Onça (EP, 2011)
Vem Ser Artista Aqui Fora (Slap/Som Livre, 2013)

Clipes:

“A Cidade Pega Fogo” (2011)
“Selvagem” (2012)
“Vamos Sair Para Dançar” (2012)
“Sandau” (2013)
“Endorfinar” (2013)
“Calçada da Batalha” (2014)

Imprensa:

Marcos Xi – marcosxi@cultiva.ca
(+55 71) 86567630 | (21) 985620422
Media Kit: clique aqui.

  • “Seria Tão Bom”, a felicidade em single inédito da banda Tereza
  • “Seria Tão Bom”, a felicidade em single inédito da banda Tereza
Vamos cultivar sua música?

Invista na sua banda de maneira ordenada e correta. Fale com a gente:

Not readable? Change text. captcha txt

Start typing and press Enter to search